sábado, 15 de outubro de 2011

O dia do acampamento


    No aniversário do Miguel ofereci-lhe um mapa, uma luva e uma lanterna. Resolvemos, então, que seria uma ótima ideia irmos acampar no dia seguinte. Estávamos ansiosos por uma aventura!
     O dia do acampamento chegou e dirigimo-nos para a floresta. Lá o Miguel tirou o mapa da sua mochila, procurámos a nossa localização e encontrámos o trilho que levava à clareira ideal, onde passaríamos a noite.
    
    No caminho fomos encontrando todos os sinais indicados no mapa, mas quando paramos para descansar um pouco, vimos um pequeno inseto pousado na vegetação. Como não o conseguíamos identificar, o Miguel resolveu que devíamos utilizar a lupa para reconhecer aquele inseto. Com cuidado afastámos a vegetação de modo a que o animal não se pusesse em fuga, quando conseguimos ver com clareza, verificamos que se tratava de uma pequena lagarta.
     Depois do mistério desvendado, continuámos o percurso até à clareira. Pelo caminho, o céu foi escurecendo e quando chegámos ao local pretendido já tinha anoitecido completamente. Foi então que, sugeri ao Miguel que ligássemos a lanterna e a pousássemos numa pedra para nos poder iluminar e montarmos a tenda.
     No dia seguinte, o Miguel queria ir em direção à praia, todavia esta ficava muito longe da clareia, portanto sugeri-lhe voltar ao início da floresta, mas por outro atalho indicado no mapa. Ele concordou e seguimos caminho. Chegados ao início da floresta, regressámos a casa como previsto e lá fomos à praia.

 Marisa Norte, 9.º C

Sem comentários:

Enviar um comentário

Escritor Jorge Courela

Sessão de autógrafos  No passado dia 27 de Abril tivemos a presença do escritor Jorge Courela na nossa escola que nos pr...